Total de visualizações de página

quinta-feira, 31 de março de 2011

Psicologia do Senso comum X Psicologia Cientifica

Antes de entendermos o objeto de estudo da Psicologia vamos primeiro entender um pouco da divisão da psicologia. A mesma pode ser dividida em Psicologia do senso comum e Psicologia científica.
A Psicologia do senso comum é responsável pelo entendimento do senso comum que é tudo o que fazemos sem precisarmos de métodos científicos para explicá-los, ou seja, é o que aprendemos com nossos pais e avós, como por exemplo, temos o fato de sabermos que tudo que é joga do alto cai embora que algumas coisas levem um pouco mais de tempo que outras. Mas por que isso é senso comum se foi explicado cientificamente por Newton? Esse fato se torna senso comum porque há muitas pessoas que não têm estudo e que nunca ouviram falar nesse tal de Newton sabem que o que for atirado do alto chegará ao chão, mas como essas pessoas sabem disso? Elas aprenderam inicialmente através de observações e a partir daí transmitiram essa informação para seus filhos que passou para seus netos e sucessivamente. Outro exemplo de senso comum que eu conheço é que faz mal comer manga com febre, provavelmente quem espalhou essa informação estava com febre quando comeu manga e isso o fez ficar ainda mais doente, mas o que ninguém sabe é se foi realmente a manga que o fez piorar ou alguma outra coisa. Portanto podemos afirmar que o senso comum é um conhecimento intuitivo, espontâneo de tentativas e erros que adquirimos ao longo dos tempos seja passado de geração a geração ou por própria vivencia.
O que difere Psicologia científica da Psicologia do senso comum é que Psicologia científica é focada em fatos que podem ser comprovados cientificamente, pois a mesma é embasada principalmente pela ciência. Para melhor compreender o que isso significa La vai um breve conceito de ciência, a ciência é composta por um objeto de estudo que é rigorosamente testado para que haja a comprovação de algo e se necessário a reprodução da experiência, as conclusões dessa experiência devem ser passíveis de verificação e na pode conter emoções.
O objeto de estudo da psicologia de forma bem ampla é o homem, porém a psicologia não é considerada totalmente cientifica, pois o pesquisador ao mesmo tempo em que pesquisa ele também está inserido na sua própria pesquisa, agregando seus pensamentos e emoções a pesquisa tornando a pesquisa cientificamente inválida.
Levando apenas em consideração o objeto humano como estudo da psicologia ela pode ser de certa forma confundida com outras ciências. Mas o que faz a psicologia diferir das outras ciências humanas é o estudo da subjetividade, e é ela que nos faz compreender a totalidade da vida humana, pois é o individuo em todas as suas expressões visíveis, invisíveis, singulares e genéricas.

8 comentários:

  1. OLA! GOSTEI MUITO DESTA EXPLICAÇÃO, ATÉ O MOMENTO EU NÃO TINHA A MENOS IDEIA DA DIFERENÇA DA PSICOLOGIA DO SENSO COMUM, PARA A PSICOLOGIA CIENTIFICA. ESTE COMENTARIO ME ABRIU MAIS OS CONHECIMENTOS, QUE DEUS ABENÇOE. UM ABRAÇO

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, e adorei ajudou-me no meu trabalho escolar e ja sei qual é a diferência do senso comum e a cientifica

    ResponderExcluir
  3. excelente explicação!me ajudou bastante no trabalho da faculdade. obrigado.

    ResponderExcluir
  4. Ótima explicação me ajudou bastante, agora sim posso fazer minha prova mais tranquila.

    ResponderExcluir
  5. Perfeito, muito obrigada! Me ajudou completamente, me poupou tempo e me fez compreender com perfeição a diferença entre as duas. Muito Obrigada!

    ResponderExcluir
  6. Minha noooossa!!!! Vc stá de parabéns!!! me ajudou bastante! Q Deus possa lhe abençoar hj e sempre!

    ResponderExcluir
  7. parabéns excelente comentário me ajudou bastante..

    ResponderExcluir